Prefeitos se reúnem em Londrina para discutir futuro da Bacia do Paranapanema

Presidente do CBH fala no encontro da importância da participação das prefeituras no desenvolvimento do PIRH

Mais de 50 prefeitos do Paraná e de São Paulo estiveram presentes no 1º. Encontro de Prefeitos da Bacia Hidrográfica do Rio Paranapanema, realizado no dia 18 de março, em Londrina (PR). Um dos objetivos do evento foi mobilizar e promover a articulação permanente dos prefeitos que integram a Bacia Hidrográfica do Paranapanema, visando destacar o papel estratégico dos municípios na definição de metas e ações prioritárias do Plano Integrado de Recursos Hídricos – PIRH Paranapanema.

O PIRH Paranapanema está em construção pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Paranapanema (CBH-Paranapanema) desde 2014 e deve ser finalizado em agosto deste ano. Trata-se de uma ferramenta fundamental para a gestão dos recursos hídricos, uma vez que elenca prioridades, avalia a conjuntura e a situação da bacia, sugere programas e projetos.

O encontro aconteceu no Parque de Exposições Ney Braga, abrindo as comemorações da Semana da Água. Além dos prefeitos, participaram do evento autoridades da área de recursos hídricos, políticos e membros dos comitês afluentes do Rio Paranapanema. Entre os presentes no encontro, estavam o diretor de Recursos Hídricos da Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente, Sergio Antonio Gonçalves; o diretor presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Vicente Andreu Guillo; o coordenador de Recursos Hídricos da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos de São Paulo, Rui Brasil Assis; a prefeita de Rosana e presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Pontal do Paranapanema, Sandra Aparecida de Souza Kasai, que representou os prefeitos de São Paulo; a diretora de Planejamento de Recursos Hídricos da ANA, Gisela Damm Forattini, o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, e o presidente do CBH-Paranapanema e diretor do Instituto das Águas do Paraná, Everton de Souza.

Everton de Souza ressaltou que a intenção do PIRH é ter um plano de ação que traga soluções para os problemas que foram levantados pelo comitê. “Estamos trabalhando desde o início de 2014 no desenvolvimento do plano e agora a ideia é envolver os prefeitos na busca de soluções para os problemas diagnosticados”, disse. Segundo o presidente do CBH-Paranapanema, os grandes problemas estão relacionados com o saneamento e com erosão urbana e rural. “Temos que buscar soluções no plano de ações para que possamos minimizar tais problemas. A nossa perspectiva, com relação ao envolvimento dos municípios, é fortalecer a articulação política, para que possamos buscar recursos assim que o plano estiver concluído, de forma que as soluções possam ser realmente efetivadas”, concluiu.

Durante o encontro, o CBH-Paranapanema também apontou os desafios e oportunidades levantadas por sua atuação, lançou oficialmente o Movimento pelas Águas do Rio Paranapanema e destacou a importância da participação dos prefeitos no processo de renovação do plenário do comitê, cujas eleições dos novos membros acontece neste ano.